“Viver no Paraíso enquanto vivemos na Terra”
“No Paraíso, não há doenças”

 
Meishu-Sama

Entre aqueles que receberam a nossa Imagem da Luz Divina, existem muitas pessoas que veem imagens do céu com nuvens púrpuras ou douradas, ou com a lua e estrelas. Esse é o estado do Céu elevado. Em suma, o que devemos fazer é viver no Paraíso enquanto vivemos na Terra. E, no Paraíso, não há doenças.

Sermão, data desconhecida

 
Kyoshu-Sama

Será que o Paraíso não existe dentro dos senhores? Será que não existe “um mundo absolutamente isento de doença, pobreza e conflito” dentro dos senhores? Será que não existe “um mundo repleto de verdade, bem e belo” dentro dos senhores?

Deixem-me dizer isto aos senhores. Vocês anseiam por um mundo precisamente como esse porque esse mundo maravilhoso, o Paraíso, existe dentro dos senhores. É por isso que eu sempre digo aos senhores que vocês devem primeiro se elevar ao Paraíso que existe dentro de vocês. Bem, na verdade, os senhores já vivem no Paraíso. Vocês sabiam disso? Então, “se elevar ao Paraíso” significa reconhecer que vocês já vivem no Paraíso.

Será que os senhores sabem que, neste momento, vocês já existem no Paraíso e servem na divina obra de Meishu-Sama de várias maneiras? É por isso que muitos sentimentos vêm à sua mente. Quando os senhores se envolvem em atividades relacionadas à flor, esses sentimentos vêm, não vêm? Quando os senhores interagem com pessoas, esses sentimentos – bons e ruins, ambos – vêm, não vêm?

Esses sentimentos vêm precisamente porque os senhores já são habitantes do Paraíso. No Paraíso, Deus está utilizando os senhores na obra de salvação. Através dos senhores, Deus está avançando a obra de conceder o perdão a tudo e a todos, e aceitar e acolher tudo e todos no Paraíso.

Acerca da Ikebana e da Arte
24 de outubro de 2018

 
Masaaki-Sama

Empenhamo-nos até hoje, acreditando que não há em outro lugar o mundo absolutamente isento de doença, pobreza e conflito senão aqui na Terra. Mas para mim, é muito diferente esse mundo existir, ou não existir, dentro de nós. Parece ser algo insignificante, mas há uma enorme diferença nisso. Meishu-Sama tinha convicção de que esse mundo não existia somente dentro dele; ele estava certo de que esse mundo existe dentro de cada um de nós.

É por isso que nas Sagradas Palavras “Características peculiares da salvação pela nossa Igreja”, Meishu-Sama pôde afirmar para todos os membros que, quem deseja servir na obra de salvação deve primeiro elevar-se ao Paraíso. Com isso, ele nos ensinou que o Paraíso existe dentro de nós e que a salvação é unirmo-nos a esse Paraíso. Meishu-Sama disse: “Isto é um ponto que difere de todas as outras religiões; melhor dizendo, chega a ser o contrário”.

Logo, o que vem a ser o método aplicado por todas as religiões? Será que isso não consiste em querer edificar o Paraíso aqui na Terra somente pelas mãos do ser humano? Será que o método comumente aplicado pelas religiões não é querer construir um mundo isento de doença, pobreza e conflito pelas mãos do ser humano? Porém, Meishu-Sama disse que a nossa característica peculiar de salvação é, primeiro, elevarmo-nos ao Paraíso. Ou seja, elevar-se até o mundo isento de doença, pobreza e conflito. E, se essa força se refletir aqui na Terra, naturalmente esse mundo será concretizado. É isso, não acham?

Então, o Paraíso existe dentro de nós ou não? Essa diferença parece ser insignificante, mas é enorme! Além das Sagradas Palavras “Características peculiares da salvação pela nossa Igreja”, temos um salmo de Meishu-Sama que diz: “Antes de qualquer coisa, / Estou tentando ser eu um habitante do Paraíso. / Porque é neste Paraíso que eu desejo salvar as pessoas do mundo.” Se almejamos salvar outras pessoas ao Paraíso, primeiro, nós temos que habitar esse Paraíso. E esse Paraíso é o local sem doença, pobreza e conflito, não é? Se conseguirmos ter contato com a alegria desse mundo, a alegria do mundo espiritual será refletida na Terra física, conforme a lei de precedência do espírito sobre a matéria, e é somente assim que o mundo absolutamente isento de doença, pobreza e conflito poderá ser estabelecido.

Encontro com Diretores Executivos, Responsáveis por Regiões
e principais ministros
7 de outubro de 2018

O Paraíso é o mundo onde Deus vive. Se vocês podem viver com Deus no Paraíso enquanto vivem na Terra, isso, digo eu, é o Paraíso Terrestre, ou seja, o Céu na Terra.

Encontro com ministros
18 de março de 2016

 
Publicado na Revista Glória, N.º 27, 1º de abril de 2022

Este conteúdo está disponível em: 日本語 English